Projecto Ervilha

Objectivo

O projeto Ervilha tem como objetivo geral a promoção de circuitos curtos de produção e consumo de hortícolas e frutícolas, ensaiando uma solução local de economia circular.

A promoção destes circuitos curtos pode gerar benefícios económicos, sociais e ambientais para a comunidade, divulgando boas práticas de desenvolvimento sustentável, em particular junto da comunidade escolar.

Paralelamente ao fornecimento de produtos frescos às cantinas, o projeto Ervilha irá garantir o transporte diário de refeições para as escolas das freguesias que não têm cantina escolar.

Por outro lado, o projeto Ervilha terá uma dimensão de combate ao desperdício alimentar, ao encaminhar eventuais excedentes de géneros alimentares para distribuição a famílias carenciadas da união das freguesias, através da entidade parceira ADBES da Cruz da Picada.

Na dimensão educativa ou de divulgação de boas práticas, o projeto Ervilha dinamizará sessões de sensibilização para boas práticas junto da comunidade educativa, de forma periódica (alunos, funcionários, professores, educadores e pais e encarregados de educação).

Objectivos específicos:

  • Promoção de circuitos curtos de produção e consumo de produtos hortícolas, aumentando a produtividade na cadeia de valor;
  • Redução do consumo de energia e materiais no transporte, embalamento e conservação de alimentos;
  • Dinamizar a economia e a produção agroalimentar local mais sustentável (biológica, tradicional e familiar);
  • Fomentar o consumo de produtos locais na comunidade escolar, respeitando a sua sazonalidade;
  • Aumentar a qualidade nutricional das ementas das cantinas escolares, promovendo produtos mais frescos, nutritivos e saudáveis;
  • Sensibilizar a comunidade escolar para os princípios da economia circular e para a prevenção do desperdício alimentar;
  • Reduzir a quantidade de resíduos biodegradáveis urbanos em aterro, promovendo a compostagem nas escolas;
  • Promover os saberes e sabores tradicionais da região.

O projeto Ervilha tem benefícios em várias dimensões:

Social:
  • reforça a coesão social num território de baixa densidade;
  • proporciona aos consumidores produtos frescos e saudáveis
Cultural:
  • permite diversificar a oferta
  • preserva sistemas tradicionais, a coesão das comunidades locais e a sua identidade
Económica:
  • permite estimular as produções locais;diversifica os produtos oferecidos à comunidade escolar;
  • reduz as necessidades de capital a investir nos processos de distribuição ecomercialização;
  • cria condições para o surgimento de novas iniciativas de redes para o desenvolvimento local (alargamento do fornecimento a
  • outras cantinas escolares e/ ou outros equipamentos sociais);
Ambiental:
  • fomenta práticas de produção menos intensivas;
  • reduz energia e materiais no transporte, na refrigeração e no acondicionamento(contribuindo assim para a redução do consumo de combustíveis fósseis e emissões de GEE

Atividades

Visita à EB1 do Rossio

O Projeto Ervilha foi… à EB1 do Rossio! Este projeto tem como objetivo a promoção de circuitos curtos de produção e consumo de hortícolas e frutícolas.

Neste dia houve a possibilidade da comunidade educativa contactar diretamente com alguns dos produtores locais que abastecem a cantina desta escola.

O Projeto Ervilha promete voltar!

Évora assinalou o Dia Mundial da Alimentação

A Praça de Giraldo foi palco de uma série de iniciativas, destinadas aos mais novos e não só, que visam assinalar, ao longo do dia de hoje, o Dia Mundial da Alimentação. A iniciativa, da responsabilidade da Câmara Municipal de Évora, juntamente com uma série de parceiros, onde o projecto Ervilha e a Horta da Nora marcaram presença.

 

Visita à EB1 da Horta das Figueiras

O Projeto Ervilha esteve na EB1 da Horta das Figueiras! Este projeto tem como objetivo a promoção de circuitos curtos de produção e consumo de hortícolas e frutícolas.

os alunos tiveram a possibilidade de contactar diretamente com alguns dos produtores locais que abastecem a cantina desta escola, e compreender o que são e como se processam os circuitos logos e curtos.